sexta-feira, 30 de julho de 2010

Mais de 191 mil veículos foram furtados ou roubados no Brasil este ano


30/7/2010 - CNT



Foto: Arquivo CNT



































A Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais (CNSeg) divulgou um estudo que mostra a relação de carros, motos, caminhões e ônibus mais furtados ou roubados em todo o país. Com base em dados do Denatran, a pesquisa aponta uma situação lógica: os que ocupam o topo do ranking são os veículos mais vendidos no Brasil.

 
É o que explica o delegado-chefe da Delegacia de Roubos e Furto de Veículos do Distrito Federal, Moisés Martins: “os furtos e roubos são mais comuns entre os carros populares, pois as pessoas normalmente não investem em travamento eletrônico ou em outros sistemas de segurança. E isso torna o veículo mais vulnerável aos crimes. Além disso, como existe um número muito grande desses modelos, depois da subtração, eles passam despercebidos diante da fiscalização”.
 
Entre janeiro e junho de 2010, mais de 191 mil veículos foram furtados ou roubados em território nacional, segundo a pesquisa. No ranking dos dez mais, elaborado pela CNSeg, estão sete carros e três motos. A maior parte dos crimes, cerca de 45,6 mil, ocorreu na cidade de São Paulo, seguida por Rio de Janeiro (11,9 mil), Salvador (5,4 mil), Brasília (5 mil) e Campinas (4,4 mil).
 
Frequência

O modelo Gol, da Volkswagen, é o recordista em número de furtos ou roubos. São mais de 21,9 mil casos registrados e 13 mil para a moto CG125 da Honda. Veja o ranking abaixo:

TABELA03.jpg
 
No entanto, deve-se ressaltar que nenhum desses veículos que ocupam o topo da lista dos dez mais estão em outra lista: a de maior número de roubos ou furtos proporcionais à frota. No Brasil, existem mais de 5 milhões de carros do modelo Gol e 4,2 milhões de motos do modelo CG125.
 
Os veículos com maior freqüência de roubos/furtos são a moto NX-4, da Honda, em que 0,93% da frota sofreu algum desses crimes, seguida pelo carro Fiat Stilo, com 0,76%, o Fiat Punto (0,65%), o VW CrossFox (0,62%) e o VW SpaceFox (0,61%).
 
Categoria

O estudo aponta ainda quais são os outros veículos furtados ou roubados no país, de cada categoria. Do total de 191 mil casos registrados, 116 mil carros (de uma frota de 35 milhões) foram alvo dos criminosos.  Das mais de 13 milhões de motocicletas, quase 40 mil sofreram um desses dois tipos de crime. As caminhonetes ocupam o terceiro lugar dos veículos mais visados pelos bandidos: quase 7 mil foram furtadas ou roubadas. Confira tabela:

TABELA0002.jpg


Aerton Guimarães
Redação CNT

Nenhum comentário:

Postar um comentário